segunda-feira, 25 de julho de 2011
































PORQUE A ESCOLHA DO NOME DE BISPO DOM JOÃO PAULO

É DE CUSTUME DA IGREJA A OPÇÃO DA ESCOLHA DO NOME RELIGIOSO DO BISPO, LEVANDO EM CONCIDERAÇÃO O SANTO DO DIA DA ORDENAÇÃO.

No dia que fui ordenado Bispo 26 de junho foi dia de São João e São Paulo Mártires de Roma. Dois irmãos muito ricos e caridosos que foram decapitados e enterrados em sua própria residência a mando do imperador Juliano no ano de 362 por não negarem a fé e por serem herdeiro de uma grande fortuna deixado pela a filha do Imperador Constantino. Outro motivo Foi Por causa de São João Batista, primo de Jesus que muito me identifico com ele à voz que clama no deserto, aquele que veio para preparar os caminhos, que batizou Jesus e foi morto por denunciar a infidelidade e a falta de vergonha da amante do Rei Herodes,por ser justo foi decapitado e entregue sua cabeça em uma bandeja pela a filha da amante do Rei Herodes e que o próprio Jesus falou: dos homens nascido de mulher ninguém é comparado a João Batista. João Batista! Aquele que batizou Jesus no Rio Jordão e que nos ensinou a batizar com a água e o Espírito Santo. O homem do fogo, da Luz a das fogueiras no nordeste, que é uma das festas mais popular do Brasil. Tenho 31 anos de padre e desde seminarista comemorei o seu dia em todas as Paróquias por onde passei. João Evangelista por ser o mais novo dos apóstolos e muito carinhoso com Jesus e por está sempre junto com Maria Mãe de Jesus e que mesmo na hora derradeira aos pés da cruz ele não se afastou do Grande Mestre. Paulo me chamou muito atenção por não conhecer Jesus pessoalmente e mesmo saindo dos espinhos é ele que me inspiro para converter os pecadores desenganados e desesperados, sendo hoje referencia na Bíblia Sagrada. João Paulo l. o Papa sorriso que pouco ficou no comando da Igreja que até o momento não entendi o que aconteceu, Só sei que foi o primeiro PAPA que assisti sua eleição e vir mesmo através da televisão a fumaça branca subindo e pena que mal subiu nunca mais desceu, subiu para sempre com os Anjos dos Céus. E o Santo PAPA JOÃO PAUL II que mais brilhou em minha vida, passei noites acordado para ver a fumaça branca subir em na escolha de vossa Santidade, até que vir juntamente com o Nosso Grande Pai Dom Fernando Gomes dos Santos e nossos irmãos seminaristas Foi o primeiro Papa que vi pessoalmente e que pude ficar bem pertinho Dele Ca Catedral de Brasília a primeira vez que esteve no Brasil. Finalmente o Papa que pude concelebrar com Ele, como padre aqui em nossa arquidiocese de Goiânia no Estacionamento do Estádio Serra Dourada. Senti a simplicidade e seu carinho pelo o povo e o amor de Pai ao beijar o chão do meu Brasil, o rigor, saúde e a força de suas fortes palavras, e ao mesmo tempo senti em cada atentado uma flecha que transpassava minha alma e a dor de está perdendo um Grande PAPA, um Pai um Santo aqui na terra e agora um Santo no Céu. Tenho certeza que mesmo eu sendo Bispo por outra igreja, mas a sucessão Apostólica legítima, Ele está cuidando de mim lá do Céu e rezando para que eu nunca me perca na escuridão das trevas, da arrogância e da falta da caridade com os colegas e meus irmãos. Aí está o porquê que escolhi o nome de Dom JOÃO PAULO, que será honrado e abençoado com o Sangue dos Santos Mártires. Já que estou falando dos PAPAS de nossos dias, A Vossa Santidade BENTO XVI, terá sempre a minha admiração e respeito, continua sendo o meu Papa mesmo eu sendo um filho rebelde, mas autentico e verdadeiro. Louvado Seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário